Resenha: Louco aos poucos


Olá leitores!
Apresento a resenha do divertido Young Adult: Louco aos poucos, da Libba Bray!


Louco aos Poucos

Louco aos poucos



Cameron Smith tem 16 anos e foi diagnosticado com a chamada “doença da vaca louca”. Ele vai morrer. Um encontro com Dulcie, uma garota-anja-punk, o convence a partir em busca da cura. De quebra, ele terá apenas de salvar o mundo. Como ajudantes, terá Gonzo, um garoto anão neurótico, e Balder, um deus viking aprisionado no corpo de um gnomo de jardim. Junte-se a eles numa viagem repleta de questões profundas – e rasas também – que mostram que a vida não passa de uma jornada psicodélica que vale a pena.





Resenha:



Louco aos poucos trata-se de uma aventura inacreditável e divertida! 
Cameron Smith é um garoto MUITO excluído que nunca aproveitou a vida da maneira certa, sempre tratou todos de qualquer jeito e não se importou com os sentimentos do próximo. Quando ele é diagnosticado com a "doença da vaca louca," e tem certeza que em breve irá morrer, Dulcie, uma garota anja punk aparece e faz com que ele entre em uma grande aventura para conseguir a cura de sua doença e ainda salvar o mundo! Para ajuda-lo nesta jornada além de Dulcie ele contará com Gonzo, um anão MUITO neurótico com medo de TUDO!! Com várias fatores surreais Libba, constrói uma estória para refletirmos sobre pequenas e grandes questões da vida.

No começo da estória Cameron não passa de um garoto insuportável, não conseguindo conquistar leitor algum, cheio de problemas, ele é o típico garoto REBELDE que ODEIA todos em sua volta, no início da estória é bem cansativo o tanto que ele reclama, mas calma é apenas o começo! 

É claro que esta foi apenas a maneira que autora criou para mostrar ao leitor o quanto Cameron e Gonzo mudam nesta jornada, que não é apenas para a cura da "doença da vaca louca, mas para algo muito maior, o amadurecimento de ambos, isso tudo sem eles perceberem.

Desta maneira,  o leitor também é convidado a participar desta GRANDE LOUCURA que eles passam para entender, que a vida é muito mais do que reclamar e ODIAR tudo. Cheio de partes inusitadas e muito divertidas, consegui dar boas risadas enquanto lia o livro, mas ao mesmo tempo que ria parava e refletia onde a autora queria chegar com aquilo. Para quem gosta de Road Trip é também uma grande pedida, eles fazem uma boa viajem para acharem a cura e salvarem o mundo e tudo é bem divertido. O livro mistura aventuras ficcionais e momentos digamos "normais" Balder o gnomo de jardim é MUITO legal no meio da jornada ajuda eles. Se você é muito realista, o livro é bem surreal então prepare-se, mas se você gosta de viajar em acontecimentos extraordinários, inusitados e MUITO engraçados, este livro é para você! A diagramação está muito boa. A capa então!!!! A ID como sempre acertou em cheio! 
Um bom Young Adult, indico para quem gosta do gênero!
Abraços e boa leitura,


Muito bom:





Postagens mais visitadas deste blog

Resenha de filme: O labirinto do Fauno

Resenha de filme: Os Outros

Resenha de Filme: A mão que Balança o Berço