Resenha: Como viver eternamente por Sally Nicholls


Olá caros leitores!
Apresento para vocês a resenha de um livro emocionante com uma leitura leve, mas ao mesmo tempo intensa...


Como viver eternamente - Sally Nicholls

Como viver eternamenteSam ama fatos. Ele é curioso sobre óvnis, filmes de terror, fantasmas, ciências e como é beijar uma garota. Como ele tem leucemia, ele quer saber fatos sobre a morte. Sam precisa de respostas das perguntas que ninguém quer responder. ”Como Viver Eternamente”, é o primeiro romance de uma extraordinária e talentosa jovem autora. Engraçado e honesto, este é um livro poderoso e comovente, que você não pode deixar de ler. A autora tem apenas 23 anos e embora seja seu primeiro livro, ele está sendo lançado em 19 países, dirigido a crianças, adolescentes e adultos

Resenha:

Com uma história  emocionante, Como viver eternamente conquista o leitor logo nas primeiras páginas. No livro Sam um garoto com leucemia conta a sua história. Tudo começa quando Sra.Willis sua professora particular propõe que ele e Feliz, seu melhor amigo escrevam alguma coisa. A princípio quando Feliz e Sam ouvem isso acham a coisa mais idiota que ouviram na vida e se perguntam: -Quem vai querer saber da vida de dois meninos com câncer? 
Mas mesmo assim Sam decide escrever sobre tudo o que vive e Feliz o ajuda, o livro que Sam está escrevendo é o livro: Como viver Eternamente. Tudo no livro é narrado por Sam, através de várias listas, com coisas que ele tem vontade de fazer, ou coisas ao seu respeito. Estas listas estão cheias de coisas que para um garoto comum da sua idade não passa de coisas que em breve vai acontecer nada de impossível, mas para ele que está com os dias contados são coisas que são preciso ser feitas antes que algo aconteça. Na lista de coisas que quero fazer tem o desejo: "Ser um adolescente. Fazer coisas que adolescentes fazem, como beber, fumar ou ter namoradas" este é o desejo que prova que ele é um garoto comum a qualquer outro, mas que está com os dias contatos. Na lista tem vários desejos alguns mais impossíveis de acontecer e outros mais fáceis, conforme a história vai sendo narrada ele consegue fazer as coisas da lista com a ajuda de Feliz , acontecem muitas coisas engraçadas em vários momentos, sorri com as suas aventuras...
Acredito que você já deva estar se perguntando, é só isso o livro só conta tristezas? Não é isso, o livro nos mostra sobre a vida o ato de viver nos faz entender o que é sentir que o hoje pode ser o último dia de nossas vidas. Através de um menino Sally Nicholls comove e faz com que pensamos a respeito de várias coisas, o livro é bem escrito com uma narrativa leve, e personagens cativantes, a leitura flui de uma maneira incrível, parece que você não leu nada até que percebe que já está quase no final do livro. Sam não é um garoto dramático, muito menos Feliz, eles simplesmente vivem e aproveitam tudo o que tem...
Este é um livro para ser lido com alma não apenas como se fosse um simples escrito, a lições do livro  podem ser levadas para o resto da vida.
 Indico a todos vocês, leiam vocês não irão se arrepender!
Comentem o que acharam...
Boas leituras, até mais!
David.H.S

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha de filme: O labirinto do Fauno

Resenha de filme: Os Outros

Resenha de Filme: A mão que Balança o Berço